Calero revela ao Fantástico: ‘Fiz gravações telefônicas’ de Temer

byterranews

Marcelo Calero, ex-ministro da Cultura, está envolvido no maior escândalo do governo de Michel Temer e pela primeira vez ele confessou publicamente que gravou conversa com o presidente da república, sendo que a matéria divulgada no “Fantástico” desse domingo (27) trará grande polêmica. De acordo com Calero, as gravações foram feitas depois de ser aconselhado por alguns amigos da Polícia Federal.

Essas gravações, segundo Calero, poderiam servir para que ele se protegesse. O ex-ministro citou Michel Temer e ainda os nomes de alguns ministros grampeados, sendo possível ouvir as vozes de Geddel Vieira Lima e também Eliseu Padilha.

E quando deu um depoimento à Polícia Federal, Calero citou Temer e Padilha, sendo que contou sobre as pressões que teve por parte de Geddel, mas as pressões também vieram de Temer e Padilha.

A matéria do “Fantástico”, mostrada neste domingo, dia 27, traz o ex-ministro da cultura, Marcelo Calero, dando uma declaração bombástica e que certamente vai agitar a semana. Calero confessou: “A sugestão, né, de alguns amigos que tenho da Polícia Federal para me proteger, para dar um mínimo de lastro probatório de tudo aquilo que eu relatei no depoimento eu fiz algumas gravações telefônicas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui