Justiça decide soltar Rosinha Garotinho, ela usará tornozeleira eletrônica






O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro decidiu soltar Rosinha Garotinho, na tarde desta quarta-feira (29), porém, ela terá que usar tornozeleira eletrônica. Os desembargadores ainda optaram pelo recolhimento noturno, além de proibi-la de sair da cidade.

Rosinha foi presa em Campos dos Goytacazes, sendo acusada de participar de uma organização criminosa, que vinha arrecadando recursos ilícitos para financiar as campanhas eleitorais.

Na prisão, ela estava dividindo a cela com Adriana Ancelmo, a ex-primeira dama. Seu marido, o ex-governador Anthony Garotinho, estava nesta mesma unidade.



DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui