Kim Jong-un irá visitar os Estados Unidos a convite de Donald Trump

Donald Trump convidou o líder norte-coreano, Kim Jong-un, para visitar os Estados Unidos e ele aceitou. E o ditador retribuiu a gentileza, convidando Trump para visitar Pyongyang e o presidente norte-americano também aceitou o convite.

Pela primeira vez, um presidente norte-americano e um líder norte-coreano ficaram frente a frente e o mundo comemorou este encontro, pois foi o primeiro passo para deixar uma possível guerra nuclear cada vez mais distante.

Ainda não foi definido a data das viagens. “Kim Jong-un convidou Trump para visitar Pyongyang em um momento oportuno, e Trump convidou Kim Jong-un a viajar aos Estados Unidos. Os dois líderes aceitaram com muito gosto os respectivos convites, com a convicção de que será outra ocasião importante para melhorar as relações“, informou a KCNA – Agência Central de Notícias da Coreia do Norte.

Kim Jong-un disse que, a fim de alcançar a paz e a estabilidade da Península Coreana e realizar sua desnuclearização, os dois países devem se comprometer a evitar antagonismos, dando lugar ao entendimento mútuo“, informou a agência.

Me dei muito bem com Kim Jong-un, que quer ver coisas maravilhosas para o seu país. Como eu disse mais cedo hoje: qualquer um pode fazer guerra, mas apenas os mais corajosos podem fazer a paz“, disse Donald Trump após o encontro realizado em Cingapura.